Você tem perfil de franqueado?

Você tem perfil de franqueado?

21 de agosto de 2018

Qual é realmente o perfil de franqueado? Considerando o crescimento do setor de franquias no Brasil, é provável que muitos investidores já se fizeram essa pergunta. Esse questionamento é natural, afinal de contas, quanto mais alinhado você estiver com a proposta de um negócio, maiores serão as chances de sucesso.

Mas será que existe mesmo um perfil de franqueado absoluto? Quais são as características que um investidor dever ter para ser bem sucedido no ramo? Para responder essas perguntas, preparamos este artigo com informações e dicas, que vão ajudar você a entender de uma vez por todas como ser um franqueado de sucesso. Acompanhe e boa leitura!

Qual é o perfil de franqueado ideal?

Assim como não existe uma regra para investir em franquias, também não há um perfil de franqueado ideal. Todo empreendedor que se encaixa nas determinações de uma franqueadora (que podem variar de acordo com a empresa), teoricamente, está apto a se franquear.

Entretanto, como qualquer negócio do mundo corporativo, é preciso muito mais do que capital financeiro e vontade para que um projeto seja bem-sucedido. Pontos como afinidade com o setor e conhecimento técnico sobre áreas importantes do empreendimento são essenciais para garantir sua estabilidade financeira e continuidade.

Em outras palavras, ainda que não haja o “perfil de franqueado perfeito”, é recomendável que o investidor apresente algumas qualidades específicas para ser vitorioso na sua empreitada.

Quais as características necessárias para ser um bom franqueado?

Mesmo que não exista um perfil de franqueado único, existem características que podem contribuir para a sua atuação na gestão do negócio. Confira, abaixo, algumas delas:

Afinidade com o setor

Como mencionado, a afinidade com o setor da franquia é um dos requisitos-chave para qualquer empreendedor. Porém, isso não precisa ser levado ao pé da letra. Não é necessário que o franqueado seja um cozinheiro para investir em uma franquia de alimentação, por exemplo.

No entanto, o fato de ser completamente leigo no assunto pode prejudicá-lo, como em futuras negociações com fornecedores e até mesmo nas decisões de contratação de funcionários. Logo, opte sempre por algo que já esteja familiarizado e que não represente um mar de novidades.

Conhecimento técnico de áreas importantes

Um gestor que aparenta ser um “calouro no primeiro dia de aula” não passa confiança para os seus funcionários e sócios. Logicamente, o perfil de franqueado não exige que você seja especialista em todos os departamentos, mas é interessante apresentar um conhecimento básico para poder gerenciar o negócio como um todo e delegar atividades.

Falar com propriedade e erudição demonstra que você não é um leigo no projeto. Não é necessário cozinhar, se a franquia for alimentícia; ou costurar, se for uma franquia de roupas. O importante é saber avaliar os processos e garantir que os padrões sejam cumpridos. Além disso, você pode apresentar desenvoltura e expertise em outras atividades centrais, tais como:

  • financeiro;
  • administrativo;
  • atendimento;
  • compras;
  • logística.

Gestão de negócios e equipes

Em um cenário de franquias, o investidor precisa respeitar uma cadeia de comando bem definida — isso é um fato. A empresa matriz estabelece e apresenta algumas regras para garantir que o padrão de qualidade da marca seja mantido.

Porém, um bom franqueado também precisa ser um gestor. Ainda que exista uma empresa acima do seu negócio, você é o nome principal dentro do seu estabelecimento. Realizar um investimento financeiro e acreditar que os resultados aparecerão magicamente é um grande erro.

Mesmo com todo o apoio da franqueadora, é preciso cumprir o papel de gestor de negócios e, principalmente, de pessoas. Dentre as tarefas de um franqueado, está à liderança dos seus funcionários e um trabalho contínuo para fomentar a motivação e o engajamento de todos. É preciso desenvolver uma gestão humanizada, calcada na empatia e no trabalho em equipe.

Além disso, assumir a sua posição de gestor fará com que a comunicação com a franqueadora seja mais clara, direta e compreensível, com cada parte ciente de seus direitos e deveres.

Eliminação de barreiras culturais

Este é mais um ponto de suma importância e que pode atrapalhar muito o negócio do franqueado. Já mencionamos que é recomendável ter certa afinidade com o nicho pretendido. Ainda assim, é vital se certificar de que não existe nenhum tipo de preconceito ou barreira cultural com o produto ou serviço oferecido pela franquia.

Por exemplo: dificilmente um investidor vegetariano se dará bem ao assumir uma franquia que comercializa carnes. Essas limitações podem ocorrer em diferentes aspectos, tais como:

  • religião;
  • cultura;
  • estilo de vida.

Claro, sempre é possível obter sucesso. Mas, antes de decidir pela franquia, tenha certeza de que você não tem nenhum impedimento referente ao serviço que será oferecido.

Adequação ao modelo de negócios

O sistema de franquias possui peculiaridades pouco encontradas em outros meios de negócio. Por exemplo, é preciso equilibrar a gestão do próprio empreendimento com a adequação a um estilo de trabalho comprovadamente bem-sucedido.

Em outras palavras, é fundamental que o franqueado mantenha um bom relacionamento com a franqueadora, sempre consultando-a antes das tomadas de decisões e evitando e gerir o negócio de forma unilateral.

De forma geral, o perfil de franqueado certo não existe, mas há características comuns a qualquer investidor que podem ser trabalhadas. O mais importante é que haja um entendimento prévio sobre o nicho a ser contemplado e um trabalho sólido para a conquista dos clientes.

O Portal do Franchising, mantido pela Associação Brasileira de Franchising (ABF), oferece uma série de opções excelentes em investimentos. Conheça o perfil de franqueado do Biily The Grill, considerada uma das melhores franquias de alimentação do Brasil em 2017!

João Gabriel Ribeiro

João Gabriel Ribeiro

Analista de Marketing Digital do Grupo Alento, franqueadora detentora das marcas Billy The Grill, Vizinhando e Naa! Sushi Bar.

Facebook Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *